autoria:
intérprete:
X

Posts

Choros para a primavera: saraus memoráveis inspiram seleção musical de Tiago Prata

Pedro Paulo Malta

Tocar fonogramas


Na memória afetiva do choro produzido no Rio de Janeiro, uma das lembranças mais cultivadas entre os músicos é o “Choro das Flores” – um sarau que era realizado pelo arquiteto e urbanista Alfredo Britto em sua casa, no bairro de Santa Teresa, sempre no primeiro sábado da primavera. Até a morte de Alfredo (aos 79 anos, em 2015), foram 25 anos reunindo amigos como Paulinho da Viola, Raphael Rabello, Hamilton de Holanda, Canhoto da Paraíba, Dino 7 Cordas e Henrique Cazes, entre outros músicos. Um que se lembra bem dos encontros na casa da Rua Teresina é Tiago Prata, o Pratinha, violonista e jornalista de 32 anos que começou a frequentar o sarau na infância, acompanhando o pai, o cavaquinista e pesquisador Sérgio Prata. Pedimos a ele que compartilhasse suas memórias no site da Discografia Brasileira e a resposta foi imediata, diretamente do sítio em Guapimirim (RJ) onde vem passando os tempos de pandemia – e de onde apresenta duas “lives” semanais no perfil do bar Bip Bip no Instagram (@rodadobip). As lembranças vieram na forma de um vídeo e uma playlist em que celebra não só a primavera, como também o meio ambiente e, claro, o legado de Alfredo Britto.

Titulo / Autor
Intérprete
Acompanhamento
Ano